Teste Teste Teste Teste

sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Telêmaco Borba confirma favoritismo e conquista o bicampeonato nos JAPs

A equipe de Telêmaco Borba confirmou seu favoritismo nesta sexta-feira (29.11) vencendo a equipe de Maringá por 8 a 1, conquistando assim seu bicampeonato nos 56º Jogos Abertos do Paraná (JAPs). Com esse resultado, as meninas de Telêmaco terminam a competição com 100 % de aproveitamento e levando pra casa a medalha de ouro. A partida foi realizada no ginásio da "Neva" e reuniu duas equipes de tradição no futsal paranaense.


O clima de final estava no ar. A partida entre Maringá e Telêmaco Borba começou muito tensa com as duas equipes se estudando e valorizando muito a posse de bola. As maringaenses tinham a proposta de sair no contra ataque com Nayara e Ketlyn para abrir o placar, enquanto Rarine e Cintia Aparecida tentavam encaixar uma jogada para Telêmaco sair na frente. E não demorou muito tempo. Logo aos cinco minutos, após uma boa troca de passes, Cintia recebeu livre dentro da área para marcar, 1 a 0.

Atrás no placar Maringá tentava reagir e conter a pressão adversária. Aos oito minutos, o arbitro da partida marcou falta para as maringaenses. Nayara foi para a cobrança mas pegou mau na bola, que passou a esquerda do gol. Telêmaco continuava pressionando e aos 13 minutos, após um bela triangulação de Thais e Emilly, Cintia acabou aparecendo livre dentro da área para marcar o segundo, 2 a 0.


A forte marcação das duas equipes predominou durante os minutos finais da primeira etapa. Mas quanto faltavam apenas 25 segundos, Diéssica de Maringá fez falta em Cintia dentro da área. O juiz marcou pênalti, que foi cobrado com muito categoria por Letícia não dando chances para a goleira Jéssica, 3 a 0.

Telêmaco Borba já começou a segunda etapa indo para o ataque e com menos de dois minutos de bola rolando Thais recebeu um bom passe e marcou, 4 a 0. Aos sete minutos ela recebeu outro bom passe e também não desperdiçou, 5 a 0. A maringaense Diéssica tentava descontar, mas a defesa de Telêmaco estava bem postada e não deixa passar nada.

O sexto de Telêmaco Borba veio aos oito minutos com Rarine, que pegou um belo chute de fora da área e mandou um bomba para o gol, 6 a 0. Aos 12 minutos Letícia teve chance de aumentar o placar, mas o chute foi travado por Jéssica.O jogo seguiu com Maringá criando algumas jogadas, mas que não levaram muito perigo. Faltando cinco minutos para o final da partida Cintia fez mais um, 7 a 0. O gol de honra das maringaenses veio aos 18 minutos com Diéssica, 7 a 1.

Aos 19 minutos, Eluana Rezende teve outra chance de diminuir o placar mais uma vez para Maringá, mas a cobrança de falta parou nas mãos de Aline. Faltando menos de um minuto para o final da partida Débora marcou o oitavo, 8 a 1, fechando o placar. Final de partida e as telêmaco-borbenses soltaram o grito de "é campeão".

Após a conquista, Rarine Cristina, um das principais jogadoras da equipe, falou sobre o título. "Estou muito feliz por mais essa medalha e por toda nossa campanha dentro da competição. Foi uma ano muito especial, pois ganhamos o Juventude e os Jogos Abertos". Ela também aproveitou a oportunidade para fazer um desabafo. "Apesar de todo nosso esforço ainda falta incentivo para o futsal feminino. Ao meu ver o jogo é igual dentro de quadra, mas recebemos menos muito menos atenção", disse.

O técnico Anderson Vlalério, também exaltou a importância dessa conquista. "Esse bicampeonato é muito especial para nossa equipe. Pois foi um ano maravilhoso de muitas conquistas. O grupo todo está de parabéns. Estamos juntos desde 2011, portanto é um grupo novo mas de muita qualidade", finalizou.
O prefeito Luiz Carlos Gibson interrompeu o serviço por uns momentos para assistir o jogo pela TV Educativa. O prefeito comemorou cada gol marcado.
←  Anterior Proxima  → Inicio
Postar um comentário

Seguidores

Total de visualizações