Teste Teste Teste Teste

domingo, 3 de novembro de 2013

Rebouças devolve goleada e inverte vantagem da final


Com show da torcida, Aneflex/Rebouças venceu o Caramuru/Castro no Camilão e provocou a terceira partida na decisão do título; O campeão será definido no dia 9 de novembro.
 
Quem esperava uma vitória fácil depois da vitória de 7x1 do Caramuru/Play Back/Castro sobre o Aneflex/Arefus/Rebouças, no primeiro jogo da decisão da Chave Bronze, viu uma partida totalmente diferente no segundo confronto do play-off. A torcida reboucense lotou o ginásio Camilão e empurrou o Rebouças para vitória de 5x2, que empatou a disputa da fase final. Agora o campeão será conhecido somente no próximo sábado (dia 9), em mais um jogo na cidade de Rebouças.

Festa do torcida
Mesmo antes da bola rolar já se via grande movimentação das duas torcidas. Aproximadamente 100 pessoas se deslocaram de Castro para incentivar o Caramuru e tiveram uma parte do ginásio destinada à torcida visitante. Por outro lado, o restante do Camilão foi completamente tomado por uma massa apaixonada, que cantou do começo ao fim do jogo, desfraldando uma bandeira gigante com os seguintes dizeres: "Jogai por nós, torcedores por vocês, time de guerreiros."

O jogo 
Com a bola rolando, os donos da casa foram para cima dos visitantes. Apoiados pela torcida, o gol parecia questão de tempo. E foi. O artilheiro do campeonato, Binho, entrou na defesa e chutou na saída do goleiro Thiago, que conseguiu fazer a defesa parcial. A bola sobrou para o próprio Binho que, mesmo se ângulo, chutou novamente e marcou (a bola ainda bateu em Alex, que tentava evitar o tento adversário). Foi o 29º gol de Binho na Chave Bronze.

O primeiro tempo seguiu pegado, com chances de ambos os lados, mas terminou mesmo em 1x0 para o time de Rebouças.
Na segunda etapa, o Aneflex voltou a marcar, com um gol relâmpago de Pica-Pau depois de cruzamento da direita do ataque. Na sequência o goleiro Thiago sai do gol para dividir uma bola com Edimar, que levou a melhor e ficou com a bola, mas o chute foi para fora do gol.

O Caramuru esboçou uma reação na sequência: em boa triangulação, o ataque castrense ficou em três contra um e Maison diminuiu o marcador: 2x1.

Show de Edimar 
A partir daí, brilhou a estrela do capitão da equipe de Rebouças. O camisa 7, Edimar, foi decisivo na parte final do jogo, marcando três vezes: Na primeira, o ala acertou um chute rasteiro no canto direito do goleiro Thiago. No segundo, Edimar fez linda tabela com Binho e bateu na saída do goleiro.

Entre o segundo e o terceiro gols de Edimar, o Caramuru diminuiu mais uma vez. Maison bateu falta com perfeição e venceu o goleiro Gilsinho: 3x1.

Nos instantes finais da partida, Thiago passou a jogar mais adiantado, como goleio-linha. Mas a tática rendeu à Edimar mais um belo gol, chutando da quadra de defesa para a meta vazia: 5x2. Foi o 28º gol de Edimar na competição, que chegou à vice-artilharia da 'Bronze', com apenas um gol a menos que se companheiro de equipe, Binho.

Rebouças em vantagem no jogo final 
Como prevê o regulamento da Chave Bronze, em caso de duas vitórias alternadas (independente do saldo de gols), é realizada uma terceira partida no mesmo local do segundo jogo. A regra ainda prevê que o mandante do segundo e do terceiro jogo terá a vantagem caso a partida acabe empatada.

Assim, as equipes voltam a se encontrar no próximo sábado, dia 9, no ginásio Camilão. Sendo que o Aneflex/Rebouças se sagra campeão com vitória ou empate. Para o Caramuru, só a vitória interessa.

←  Anterior Proxima  → Inicio
Postar um comentário

Seguidores

Total de visualizações